terça 23 Jan. 2018

CURSO DE TREINADORES - GRAU I

Vai a Federação Portuguesa de Ténis de Mesa levar a efeito, oportunamente, um Curso para novos Treinadores - Grau 1, pelo que solicitamos o envio da respectiva inscrição (até ao próximo dia 25 de Julho para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.) de todos os interessados, maiores de 18 anos de idade, a fim de podermos preencher o nosso Quadro de Treinadores.
Esta solicitação deve-se ao facto de uma significativa parte dos Clubes filiados, não terem um treinador licenciado para poder ministrar o ensino-aprendizagem da modalidade aos seus atletas e, desta forma, ser reconhecido pela Federação Portuguesa de Ténis de Mesa (F.P.T.M.) para acompanhar os atletas do seu clube a competições do Calendário Nacional de Provas.

ESTRUTURA DO CURSO DE TREINADORES - GRAU I
A estrutura do Curso é, sucintamente, composta por duas componentes de formação, a saber:
1 – FORMAÇÃO GERAL - 41 horas - Via E-Learning – Ensino à Distância, em parceria com a Gnosies, Entidade formadora acreditada pelo Instituto Português do Desporto e da Juventude.
2 – FORMAÇÃO ESPECÍFICA - 40 HORAS - Formação presencial a realizar em dois ou três fins de semana, em local a designar, situado na área de jurisdição de uma Associação Distrital de Ténis de Mesa.

O custo da propina das formações (1) e (2) é de 80€, cujo pagamento será efectuado até ao final do mês de Julho, em data a agendar pela F.P.T.M
Após a conclusão destas formações, o candidato a treinador efectuará um estágio no seu clube, escola ou outra entidade formadora reconhecida pela Federação Portuguesa de Ténis de Mesa (FPTM).
3 – ESTÁGIO – A realizar durante uma época desportiva com a tutoria de um Treinador de Grau II ou III, escolhido pelo próprio formando ou aconselhado pelo Departamento Técnico da FPTM.

O custo da propina do Estágio é de 80€, cujo pagamento será efectuado no final do mês de Setembro, em data a agendar pela F.P.T.M..

Lisboa, 04 de Julho de 2016
O CORDENADOR da FORMAÇÃO
(JOÃO OLIVEIRA)

FPTM ASSINA CODIGO DE CONDUTA PARA A INTEGRIDADE NAS APOSTAS DESPORTIVAS

À margem do estágio das selecções jovens que está a decorrer no Centro de Alto Rendimento de Vila Nova de Gaia, a Federação Portuguesa de Ténis de Mesa assinou ontem a declaração de compromisso para implementação das disposições previstas no Código de Conduta para a Integridade nas Apostas Desportivas, demonstrando assim o seu compromisso em preservar os princípios e valores fundamentais do desporto, livre de qualquer tipo de manipulação ou influência externa que possa influenciar o normal decurso das suas competições. A FPTM junta-se assim a outras federações desportivas, estando assim alinhada com os requisitos básicos de integridade nas apostas desportivas previstos na Convenção do Conselho da Europa sobre Manipulação de Competições Desportivas e no Código do Movimento Olímpico sobre Prevenção da Manipulação de Competições.

Este momento foi antecedido por uma sessão de esclarecimento, protagonizada pelo Director Geral do Comité Olímpico de Portugal João Paulo Almeida, para todos os jovens mesa tenistas portugueses presentes no estágio, onde foram apresentados diversos conteúdos didáticos, e vídeos temáticos com testemunhos reais de atletas apanhados nas malhas do crime organizado relacionado com a viciação de resultados, tendo por objetivo capacitar os atletas e seus treinadores a reconhecerem, resistirem e reportarem abordagens para manipulação de competições.

 

 Depois da sessão de esclarecimento sobre dopagem que decorreu durante o Open de Jovens de Portugal de 2016, protagonizada pela ADOP, este foi mais uma acção FPTM com o objectivo de sensibilizar os seus atletas mais jovens para a importância da integridade no desporto.

DECLARAÇÃO DE COMPROMISSO

CÓDIGO DE CONDUTA SOBRE A INTEGRIDADE NAS APOSTAS DESPORTIVAS

 

Patrocinadores