quarta 24 Jan. 2018

Apolónia conquista um dos maiores feitos do Ténis de Mesa luso

Tiago Apolónia alcançou esta sexta-feira um dos maiores feitos da história do Ténis de Mesa português, ao vencer o chinês Zhang Jike por 4-1 (11-9, 11-7, 7-11, 11-9, 11-3), na competição de Singulares do Open da Alemanha, que está a decorrer na cidade de Magdeburgo.

Tiago Apolónia (n.º 39 do ranking mundial) obteve um triunfo história perante o n.º 6 do mundo, medalha de prata no Rio 2016 em Singulares e de ouro em Equipas e medalha de ouro em Singulares e Equipas em Londres 2012. É a primeira vez que um jogador português vence um campeão olímpico.

Zhang Jike foi sete vezes campeão do mundo, duas vezes em Singulares (2011 e 2013), quatro vezes em Equipas (2010, 2012, 2014 e 2016) e uma vez em Pares (2015). 

Marcos Freitas vai ainda jogar hoje, a partir das 19h20, com o japonês Tomokazu Harimoto (n.º 16), jovem prodígio de apenas 14 anos que é o mais jovem jogador de sempre a ter ganho um Open do circuito Mundial, feito alcançado este ano na República Checa. Também este ano terminou no Top 8 do Campeonato do Mundo de Seniores e aos 12 anos venceu o Campeonato do Mundo de Juniores e a competição Sub21 do Open do Japão. 

 

 

Freitas e Apolónia no mapa final do Open da Alemanha

Marcos Freitas e Tiago Apolónia estão qualificados para o mapa final da competição de Singulares do Open da Alemanha, competição que decorre na cidade de Magdeburgo.

Tiago Apolónia (n.º 39 do ranking mundial) vai defrontar a partir das 15h20 o chinês Jike Zhang (n.º 6), medalha de prata no Rio 2016 e de ouro em Londres 2012.

Marcos Freitas tem como adversário o japonês Tomokazu Harimoto (n.º 16), jovem prodígio de apenas 14 anos que é o mais jovem jogador de sempre a ter ganho um Open do circuito Mundial, feito alcançado este ano na República Checa. Este ano terminou no Top 8 do Campeonato do Mundo de Seniores e aos 12 anos venceu o Campeonato do Mundo de Juniores e a competição Sub21 do Open do Japão. A partida tem início às 19h20. 

Marcos Freitas qualificou-se ao vencer o britânico Liam Pitchford por 4-0 (11-7, 11-7, 11-9, 11-4) e Tiago Apolónia ao bater o russo Alexey Liventsov por 4-1 (4:1 (11-3, 9-11, 11-6, 11-5, 11-5) na 2.º ronda preliminar.

João Monteiro foi eliminado na 2.ª ronda, ao perder com o húngaro Bence Majoros por 2-4 (12-10, 4-11, 11-5, 9-11, 10-12, 8-11). Na 1.ª ronda, o olímpico luso venceu o chinês Kai Hou por 4-3 (13-11, 3-11, 8-11, 11-5, 11-7, 4-11, 13-11).
Fu Yu não conseguiu ultrapassar a atleta Huajun Jiang, de Hong Kong (3-4, com os parciais de 11-8, 10-12, 7-11, 8-11, 11-7, 12-10, 7-11).

 

Patrocinadores